quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Enfim, Heidfeld

O "time nacional da Alemanha" está completo para 2010. A Mercedes GP anunciou a contratação de Nick Heidfeld como piloto reserva de Schumacher e Rosberg.

Desta forma, a equipe tem agora três pilotos alemães, sendo que Heidfeld já tinha um longo relacionamento com a montadora, a exemplo de Schumacher.

Quick Nick já havia vencido o campeonato alemão de Fórmula 3 em 1997 e sua primeira experiência na F1 foi como piloto de testes da McLaren-Mercedes em 1998 e 99.

Nick, claro, foi diplomático: "Estou satisfeito de fazer parte da Mercedes. Claro que eu preferiria ter um assento como piloto titular, mas estou orgulhoso de estar na equipe, pois vi o comprometimento de todos e me sinto da mesma forma. Vou dar meu melhor para apoiar Michael e Nico este ano".

Acaba então a novela Heidfeld. Se não com um final feliz, com certeza com um final frustrante para o próprio Nick, que dificilmente voltará a participar de uma corrida de F1.

4 comentários:

Marcelonso disse...

Daniel,


Foi o que deu pra arrumar,o cara merecia melhor sorte.
Mas vai que a "biba" tem um acesso e Heidfeld pega a vaga!

abraço

Felipe Maciel disse...

Não penso que ele vá terminar igual ao Panis. Acho que ainda volta sim. Se até o de la Rosa voltou, o Nick ainda arruma um espacinho...

Ron Groo disse...

Eu nunca fui muito fã do Nick, mas acho ele melhor que o Nico.
Talvez por isto ele seja apenas piloto de testes enquanto a boneca é companheiro do Alemão sete estrelas.

Daniel Gomes disse...

Felipe, de fato o Nick bão vai terminar pior que o Panis.

O francês venceu uma prova...